linques

Sempre gostei de aportuguesar palavras estrangeiras de uso cotidiano — sobretudo os usuais anglicismos do mundo da tecnologia de consumo. Por isso prefiro “linque” em vez de link, “blogue” em vez de blog, “leiaute” no lugar de lay out e “Nova Iorque” em vez de Nova York. Sinto graça no jeitão meio tosco com que elas são grafadas.

A seguir listo alguns linques interessantes sobre arquiteturas, cidades, naturezas, paisagens e outros assuntos correlatos. Em uma época de rede sociais fechadas e cada vez mais homogêneas e sem graça, vale a pena voltar a cultivar o que sobrou (ou o que nasceu de novo) da velha blogosfera de uns dez anos atrás.

Podcasts

Por algum motivo, nunca gostei da palavra “blogosfera“, mas sinto falta do cenário de blogues mais ou menos independentes que existia há uns dez anos, antes da hegemonia do Facebook. Parte daquela cultura foi transplantada para a assim chamada “podosfera“.

Arquicast é um podcast produzido por arquitetos e professores de Juiz de Fora e o Arquipapo é de um grupo de arquitetos de Curitiba. Ambos tratam de assuntos variados do mundo da arquitetura, variando de episódios com foco em personagens históricos, o dia-a-dia profissional e as relações da arquitetura com outros elementos da cultura. 99% Invisible é um dos mais famosos podcasts estadunidenses e apresenta de forma bem produzida temas e curiosidades, entre outros assuntos, da história do design e da arquitetura.

Fora de prumo é o podcast no qual colaboro: um podcast desalinhado sobre arquitetura, design e urbanismo.

Blogues

Blogues pessoais voltados a temáticas arquitetônicas, em grande medida, desapareceram após a avalanche do Facebook. Iniciativas de maior vulto, como o Archdaily, contudo, acabaram virando espaços quase exclusivamente voltados à veiculação rápida de novos projetos — uma espécie de versão acelerada de velhas revistas como AU, Projeto e similares — apesar do trabalho bem feito pela equipe brasileira com artigos de assuntos mais variados, assim como com a bem produzida seção “Clássicos da arquitetura“.

Dos velhos blogues pessoais, contudo, ainda continuam vivas (ainda que sem o conteúdo mais frenético que já as caracterizou) algumas iniciativas bem interessantes.

O Building Blog está no ar desde 2004 e é tocado pelo pesquisador Geoff Manaugh, discutindo sobretudo a paisagem estadunidense, suas contradições, ironias e curiosidades.

A Daily Dose of Architecture Books é o sucessor do antigo A Daily Dose of Architecture, mantendo o mesmo endereço ainda na velha plataforma Blogger — ele sequer possui domínio próprio. Antigamente o blogue apresentava postagens diárias variadas sobre assuntos arquitetônicos, mas desde 2019 está focado em produzir conteúdos diários sobre o mercado editorial de arquitetura.

The Charnel-House é a excelente e monumental iniciativa de história pública do pesquisador Ross Wolfe, difundindo conteúdo relacionado sobretudo à história da arte e da arquitetura soviética e sobre o marxismo de um modo geral. O sobrenome em comum com o escritor Tom Wolfe é explorado no subtítulo do blogue (“From Bauhaus to Beinhaus”), em evidente brincadeira com o famoso livro de Wolfe, From Bauhaus to Our House.

O Blog do Klaustoon está no ar há dez anos e registra a produção do famoso arquiteto e cartunista Klaus.

Menção especial para a revista Clog, que se pretende uma espécie de versão impressa dos blogues.

Outros

O Manual do usuário é provavelmente o melhor blogue nacional sobre tecnologia de consumo — para não dizer o melhor veículo jornalístico sobre o assunto. No ar desde 2013, é cuidadosamente editado pelo jornalista Rodrigo Ghedin. Diferente dos demais veículos sobre tecnologia, no MdU normalmente não se encontra o usual deslumbramento com especificações técnicas ou a ingênua confiança no papel redentor da tecnologia. Ao contrário, são apresentados comentários razoáveis e críticos sobre esse universo.

Kottke.org está no ar há mais de vinte anos — é um blogue que precede a própria palavra “blog” e mesmo após todos esses anos ainda mantém o formato clássico. Além do conteúdo promovido nas postagens, o blogue mantém uma bem curada lista de linques para outros conteúdos, atualizada constantemente.

Ainda na linha de velhos blogues que mantém o formato e a regularidade de postagens: