quarentenoutubro (20/10/2020): delivery

Ao longo desse período de pandemia assistimos ao aprofundamento da violência cometida pelas empresas de entrega por aplicativo para com seus trabalhadores — submetidos, como sabemos a um regime de precarização extrema e de extração absurda de mais-valia.

Assistimos também à bela e necessária mobilização dos trabalhadores durante os vários “breques dos apps”, mas a violenta reação das empresas se deu na mesma medida dos protestos. Se possível, devemos boicotá-las, desinstalando-as dos celulares, avaliando-as mal nas lojas de aplicativos, contatando diretamente os restaurantes por telefone, apoiando sempre os trabalhadores. Afinal, somos todos trabalhadores: estamos muito mais próximos da precarização do trabalho que do controle do capital.


Este desenho participa da série #quarentenoutubro, uma alternativa ao Inktober.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.