quarentenoutubro (8/10/2020): cadeira

Em tempos de pandemia, a cadeira do escritório é cenário de uma ferrenha disputa: terminamos a teleconferência, saímos para tomar uma água ou ir ao banheiro e quando voltamos, algum gato já está sentado nela — determinado a ficar ali, aliás. Este desenho participa da série #quarentenoutubro, uma alternativa ao Inktober.

pedagogia da esperança e os olhos para o gato

Em Pedagogia da esperança, Paulo Freire recorda ideias e episódios que lhe ocorreram ao longo de sua trajetória. Recorda-se, em certo momento, de uma interessante história sobre criatividade, liberdade, coerção e desestímulo: […] Claudius Ceccon, o notável cartunista brasileiro, residente, então, em Genebra, me contou o seguinte caso, ocorrido com Flávio, seu filho. Um dia… Continue lendo pedagogia da esperança e os olhos para o gato