bruno latour: dinâmica sociedade/natureza

Um dos trechos mais interessantes do clássico Jamais fomos modernos, de Bruno Latour: A potência da crítica Hoje, quando as capacidades críticas dos modernos se esgotam, é conveniente medir, pela última vez, sua prodigiosa eficácia. Liberados da hipoteca religiosa, tornaram-se capazes de criticar o obscurantismo dos antigos poderes ao desvelarem os fenômenos naturais que estes… Continue lendo bruno latour: dinâmica sociedade/natureza

Anúncios

reação a tafuri, anos 80, eua [1]

originalmente postado em http://notasurbanas.blogsome.com/2010/02/08/reacao-a-tafuri-anos-80-eua-1/ No início dos anos 80 um grupo de acadêmicos estadunidenses, duplamente incomodados com a condição em que se encontrava a produção de teoria da arquitetura naquele momento naquele país resolveram chamar alguns estudiosos (como o crítico literário Fredric Jameson) para um evento. Estavam duplamente incomodados pois tanto o momento político era… Continue lendo reação a tafuri, anos 80, eua [1]

arquitetura da pobreza/arquitetura do sublime [pt 2]

originalmente publicado em http://notasurbanas.blogsome.com/2009/07/29/arquitetura-da-pobrezaarquitetura-do-sublime-pt-2/ Continuando com a leitura do texto iniciada em http://notasurbanas.blogsome.com/2009/07/23/arquitetura-da-pobrezaarquitetura-do-sublime-pt-1/ O texto parte para a defesa de uma ideia de "sublime" na arquitetura. No final, acho que os trechos anteriores eram mais ricos: a conclusão parece ter ficado mais datada. Vale como contraponto a esta ler a opinião de Mike Davis sobre… Continue lendo arquitetura da pobreza/arquitetura do sublime [pt 2]