monopólio da História: riscos da regulamentação da profissão do historiador

Tramita no Congresso Nacional um projeto de lei que regulamenta a profissão do historiador. Promovido pela Associação Nacional de História (Anpuh) e de autoria do senador Paulo Paim (PT–RS), o projeto já foi aprovado pelo Senado e aguarda manifestação da Câmara. Independente do mérito da causa — a qual não é o caso de discutir… Continue lendo monopólio da História: riscos da regulamentação da profissão do historiador

guy debord sobre steve jobs, o facebook e o star system

1. Nas sociedades onde reinam as modernas condições de produção, a vida aparece como uma imensa acumulação de espetáculos. Tudo que era antes diretamente vivido reduziu-se a representação. […] 4. O espetáculo não é uma coleção de imagens; ele é uma relação social entre pessoas mediada por imagens. 34. O espetáculo é capital acumulado a… Continue lendo guy debord sobre steve jobs, o facebook e o star system

precarização

De vez em quando tenho conversado com alguns funcionários de empresas prestadoras de serviços de higiene e limpeza — os famosos e invisíveis terceirizados. Confirmo em tais conversas sempre um mesmo fato, o qual em teoria já sabemos mas que, ao ser ouvido na prática, surge como uma espécie de choque de realidade em nossas… Continue lendo precarização

representações do centro de são paulo na folha: ingenuidade ou ideologia?

Confesso que não tenho acompanhado os grandes jornais paulistanos. Procuro filtrar as informações que recebo sobre a cidade, sociedade e país por meio de veículos alternativos de mídia. Surpreendi-me, então, com a presença do crítico de arquitetura Fernando Serapião na Folha de S.Paulo, contribuindo com a temática arquitetônica e urbanística. Eu não teria quaisquer razões… Continue lendo representações do centro de são paulo na folha: ingenuidade ou ideologia?

terrorismo de estado e propriedade intelectual

Aaron Swartz suicidou-se. Aparentemente ele não suportava a ideia de perder sua liberdade por um crime que não cometera e por conta de um processo cujas acusações não faziam qualquer sentido. Até há alguns dias eu nunca tinha ouvido falar dele, mas quando soube das circunstâncias de sua morte, entendi que a causa pelos bens… Continue lendo terrorismo de estado e propriedade intelectual

7 motivos para não votar em José Serra no dia 28 de outubro de 2012

Por mais rasas que tenham sido as discussões envolvendo o atual pleito municipal durante o primeiro turno, é fundamental evitar o recrudescimento tucano na cidade de São Paulo: em uma cidade imobilizada, segregada e mesquinha, o fortalecimento dos setores conservadores tende apenas a promover piora violenta da qualidade de vida, sobretudo das populações mais pobres.… Continue lendo 7 motivos para não votar em José Serra no dia 28 de outubro de 2012

prof. pardal e tio patinhas: o designer e a reprodução

O fragmento abaixo foi extraído de um clássico e delicioso texto de José de Souza Martins. […] Prof. Pardal, inventor desastrado, desespera-se na tentativa de solucionar com a sua inteligência, as suas pesquisas e a sua incansável dedicação à invenção e à descoberta os grandes e pequenos problemas de Patópolis. Seu desligamento do mundo é… Continue lendo prof. pardal e tio patinhas: o designer e a reprodução

temas dos anos 1970 novamente em voga na imprensa especializada dos anos 2010…

À época da celeuma criada ao redor da Barbie arquiteta, fiz alguns comentários sobre a relação entre arquitetura e questões de gênero. Nesta semana, o excelente — embora, por vezes, pateticamente ingênuo — blogue Design Observer produziu algumas novas matérias sobre o tema. Vale a pena registrar: As incríveis aventuras das arquitetas na América, por… Continue lendo temas dos anos 1970 novamente em voga na imprensa especializada dos anos 2010…